“Esse governo é inimigo da soberania alimentar”, afirma Frei Sérgio Görgen

“Esse governo negou vacina e com isso milhares de pessoas morreram, agora ele nega alimento, nega as condições para que os pequenos produtores produzem alimento, porque não tem crédito, não tem apoio e não tem garantia de comercialização. Então não tem comida na mesa do povo”, afirma, em entrevista ao Bem Viver na TV, o Frei Sérgio Görgen.

Frade franciscano, militante do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), e autor do livro Trincheiras da Resistência Camponesa fala sobre soberania alimentar e questões ambientais na edição deste sábado (26) do programa.

A liderança critica a postura de Jair Bolsonaro (sem partido) de fortalecer “o latifúndio, o desmatamento, a grande produção de soja”, em detrimento da produção dos pequenos agricultores, que produzem a maior parte de alimentos para o consumo da população brasileira.

“Ele [governo Bolsonaro] é genocida, porque deixou de colocar vacina para população, e agora é duplamente genocida porque deixa as pessoas sem comida e com isso muitos vão morrer de fome. Tem uma perversidade nisso, porque na questão da falta de vacina, a maior perda de vidas foi de pessoas idosos, e normalmente a fome mata crianças. Então, nós vamos voltar a ter muita mortalidade infantil por causa da fome que está batendo nas portas das famílias brasileiras”, enfatiza Görgen.


Assista ao programa, na íntegra:

Clique sobre o quadro ou no link a seguir para assistir: https://youtu.be/HXwlJHe5qNM

Fonte: Brasil de Fato via Rede Soberania

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *